» mais
Comentar           Imprimir
Economia
Sexta, 05 de fevereiro de 2016, 22h12

Em Miami, D2F Engenharia assina contrato de parceria para construção de 20 clínicas


Com as atividades iniciadas em outubro deste ano, nova unidade nos Estados Unidos vai entregar projetos até dezembro de 2016

 

Atenta às movimentações do mercado imobiliário internacional, a D2F Engenharia ampliou os negócios com a abertura do escritório na cidade de Miami, ao sul da Flórida, nos Estados Unidos. Com as atividades iniciadas em outubro deste ano, a nova unidade já está realizando projetos e o diretor-executivo da construtora, Daniel Fazenda Freire, revela que os primeiros contratos já estão em andamento. “Fechamos um contrato de parceria com um grupo de investidores brasileiros para a construção de 20 clínicas até dezembro de 2016. A primeira unidade já está em execução e a segunda está em fase de aprovações”, diz Freire acrescentando que o faturamento da empresa deverá ter um acréscimo de 25% no próximo ano devido ao escritório em Miami.

Assim como acontece no Brasil, a construtora oferece todo suporte necessário aos brasileiros, latinos e aos americanos que desejam que queiram iniciar a construção de um imóvel de alto padrão. Desta forma, a empresa gerencia, coordena e constrói as obras, mantendo um alto nível de confiança e segurança a qual o cliente procura.

Ainda de acordo com o executivo, a escolha por Miami deu-se por duas razões: a dificuldade em que brasileiros encontram na execução de projetos e a alta valorização do mercado imobiliário que atrai cada vez mais investidor. “Miami tem um perfil de clientes muito parecido (com os brasileiros), porque além dos brasileiros, também encontramos latinos. Desta forma, vimos uma oportunidade de agregar todo nosso conhecimento em alto padrão nacional e oferecer ao cliente no exterior. Embora a obra seja nos Estados Unidos, nosso escritório em São Paulo está à disposição para atendimento”, destaca Freire.

Diariamente, centenas de turistas brasileiros desembarcam em Miami e alguns deles se apaixonam pela cidade norte-americana e optam pela mudança de vez. De acordo com levantamento feito pela Miami Association of Realtors (Associação de Corretores de Imóveis de Miami) até o mês de agosto de 2015, o Brasil segue no topo do ranking entre os 15 países que mais buscaram por imóveis de alto padrão na Flórida.

Ainda segundo o balanço, os brasileiros que compram imóveis nesta região gastam, em média, US$ 495 mil (R$ 1,9 milhão), enquanto que os demais compradores estrangeiros investem cerca de US$ 245 mil (R$ 957 mil). “Como há esta semelhança entre os clientes norte-americanos e brasileiros, conseguimos adaptar os valores da construção do mercado local ao do Brasil”, ressalta Freire. 


Comentar           Imprimir


Busca



Enquete

Você defende que a ferrovia passe por Cuiabá?

Sim, pois incrementará a economia.
Não, pois não temos produtos em volume necessários.
Indiferente
Outro problema como o VLT
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114