» mais
Né !
Terça, 19 de setembro de 2017, 11h56

Encosto de Romualdo

O ex-governador Silval Barbosa (PMDB) mesmo preso ainda queria mandar na política mato-grossense e tinha um 'plano' para travar a gestão do seu sucessor, Pedro Taques (inicialmente PDT, hoje PSDB) - conforme informa nota do jornal eletrônico Folhamax.

Maquiavélicamente Silval, que fez delação premiada no STF e implodiu com deputados mato-grossense com a divulgação de vídeos onde aparecem recebendo dinheiro de propina (conforme Silval!), encontou no deputado Romualdo Júnior e pretendia mandar - mesmo preso - nos 14 parlamentares que teriam sido eleitos por obra do então preso.

A 'idéia' era travar a pauta do governador Pedro Taques junto a Assembleia Legislativa.

Busca



Enquete

Você defende que a ferrovia passe por Cuiabá?

Sim, pois incrementará a economia.
Não, pois não temos produtos em volume necessários.
Indiferente
Outro problema como o VLT
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114