Artigos

Problemas, crescimento e desenvolvimento
Paulo Meira Lins
Linchamento desmedido
Alberto Romeu Pereira
O homem que invoca fé no voto para consertar pontes
Alberto Romeu Pereira
Suga-me
Marcos Bidoia
Imitar
Gabriel Novis Neves
» mais
Né !

Misifi

Sexta, 06 de março de 2009

Uma por dia: Toda manhã na África, uma gazela acorda. Ela sabe que precisa correr mais rápido que o mais rápido dos leões ou será morta... Toda manhã um leão acorda. Ele sabe que precisa ultrapassar a velocidade da gazela mais lenta ou morrerá de fome. Não importa se você é um leão ou uma gazela... Portanto, quando o sol nascer, é melhor você estar correndo!

Misifi
Pelo jeito Nem o seo Alírio vai aliviar a barra de Jeverson Missias - agora presidente do Dae em Várzea Grande e do da cidade prefeito Murilo Domingos.

Urucubaca
Na verdade, ambos tiveram um excesso de urucubaca durante as eleições passadas- em que Murilo sagrou-se reeleito sob um trabalho incansável de Míssias que foi um tipo tudo ou nada entre agosto e outubro.

Teimosia
Acontece que a urucubaca não consegue ser tirada se os dois continuarem com a teimosia de se acharem onipotentes e onipresentes.

Outro lado
Murilo, que leva a fama de Murilo Dormindo é na verdade péssimo em marketing pessoal e não consegue mostrar que chega pela prefeitura nas primeiras horas da manhã e só sai depois de muitos secretários.

Sob bisturis
Jeverson Missias faz dose dupla no serviço e portanto, ambos foram parar sob bisturis com problemas no coração. Murilo, por exemplo, recaiu pela segunda vez. Teimoso, pode não atender a exigência médica de pegar licença por 30 dias.

Encontro Maçon

Quinta, 05 de março de 2009

Uma por dia:

Encontro Maçon
Cuiabá sediará o XIV Encontro Nacional da Cultura Maçônica nos dias 17 e 18 de abril de 2009, quando estarão participando maçons de todo o Brasil e do exterior.

Promotores
O evento é promovido pela Associação Brasileira de Imprensa Maçônica, União Brasileira de Escritores Maçons, Instituto Brasileiro de Pesquisas e a Associação Brasileira das Academias Maçônicas de Letras, com organização da Maçonaria Unida Matogrossense e apoio cultural da Revista A Tolha.

A história de Wilson

Segunda, 02 de março de 2009

Uma por dia: Negócio e emoção, nem sempre andam juntos.

Conhecedor
O prefeito de Cuiabá, ex-secretário de Serviços Públicos da gestão Dante de Oliveira, ex-deputado federal, prefeito na segunda gestão e professor universitário é, sem dúvida, o grande responsável pelo caos que toma conta da região conhecida administravamente como Centro Norte, que compreende os bairros Baú, Araés, Consil e Alvorada.

Centrão!
Entre a avenida Mato Grosso e a estação rodoviária de Cuiabá, portanto área central da cidade, o prefeito simplesmente ignorou a região em quatro anos de mandato.

Uma dica:
Wilson, talvez não tenha noção como se chegar aos bairros Araés e Baú, mas pode receber uma dica: ou fazer compras na loja Decorliz, da avenida do CPA ou quando for chamado para alguma intimação no Ministério Público Federal de Mato Grosso.

Vizinho do MPF...
É que os referidos locais simplesmente são a ponta de todo o problema. Pela Decorliz, Wilson Santos pode começar pelos fundos da loja. E no caso do Ministério Público a vergonha está bem à frente, contudo travestida de organizada, com a construção recente de um pontilhão. Vergonhosamente, nenhum Procurador da República viu, ou enxerga o problema que sofrem os moradores da região em meio ao esgoto, drogas, mato...

e também do CREA
Wilson Santos pode, também se quiser (pasmem!!!!!) visitar a sede do Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura de Mato Grosso - CREA- pois o órgão máximo de representatividade dos profissionais da engenharia esconde a vergonha que toma conta da área central de Cuiabá, instalada nos bairros Baú e Araés.

Falta respeito
Vergonha ou falta de respeito por parte do prefeito Wilson Santos que ironiza os problemas da capital, quando questionado por jornalistas, como recentemente o fez em programa de rádio.

Aniversários
Porém, o problema do Baú e Araés vêm de longa data, quando Wilson foi secretário de Serviços Públicos da gestão Dante de Oliveira.

Nada, nada, nada!!!
A verdade é uma só: o prefeito, em quatro anos de mandato, nada fez pelos bairros Araés e Baú. Estão do mesmo jeito, no mesmo abandono pela gestão municipal.

A história de Wilson
Como professor, espera-se que Wilson Santos conte alguma história, sobre a História dos bairros Baú e Araés.

Saída

Sábado, 28 de fevereiro de 2009

Uma por dia: Ora, mais ainda, que melhora.

Saída
Os comerciantes que atuam na Praça Santos Dumont nas tradicionais feirinhas à noite nos finais de semana tomaram uma decisão importante. Imprimiram cartazes e colocam à disposição dos clientes pedindo para que não se dê esmola, naquele local.

Sossego
A iniciativa permitiu que os clientes que vão até o local tenham o mínimo de sossego, já que até recentemente era desagradável o número de pedintes no local.

Coração mole
Qualquer cidadão, de coração mole, ou bondoso, certamente não sairia do local sem doar ao menos R$ 10 na noite.

Visita
Interessante é que ao que parece havia uma combinação entre os pedintes: a pessoa que fizesse a doação, logo em seguida seria visitada por diversos outros pendintes. É mole?

Solta
Também, como a Polícia Militar raramente comparece ao local, a coisa andava solta. Dai prevalece aquela: a união de quem paga os impostos é indispensável para se evitar ser roubado.

Vale dos Esquecidos

Quarta, 25 de fevereiro de 2009

Uma por dia: Ora que melhora.

Vale dos Esquecidos
A prefeitura de Cuiabá, na primeira e na atual gestão do prefeito Wilson Santos, não fez nenhum investimento em melhoria do bairro Aráes, encravado na área central da Capital mato-grossense.

Vale dos Esquecidos 1
Cercado por avenidas como CPA (Rubens de Mendonça), Mato Grosso, Miguel Sutil e Marechal Deodoro, toda a extensão do bairro é simplesmente abandono total.

Vale dos Esquecidos 2
Ruas e praças recebem raramente serviços de limpeza, mas a exemplo dos últimos trabalhos realizados pela prefeitura, o serviço foi interrompido por conta de corte de recursos financeiros - como disseram trabalhadores que informaram ter sido demitidos no meio do serviço.

Vale dos Esquecidos 3
O córrego da Prainha, que liga o bairro Consil a avenida do CPA, totalmente sem urbanização e abandonado, é um obstáculo para o desenvolvimento do bairro. A falta de pontes impede a interligação da avenida do CPA com a parte de cima do bairro.

Vale dos Esquecidos 4
À noite o problema se agrava, pois com ruas tomadas pelo mato e péssima iluminação o risco é iminente para estudantes.

Vale dos Esquecidos 4
Não fosse sua localização na área central de Cuiabá, poderia se aceitar desconhecimento da prefeitura, mas no bairro moram vereadores e políticos influentes.

Vale dos Esquecidos 6
Além disso, todo o problema existe ao fundo da sede do Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura de Mato Grosso - CREA - e da própria sede da Procuradoria Geral da República em Mato Grosso - o Ministério Público.

118 - 119 - 120 - 121 - 122

Busca



Enquete

Você acredita que o ex-governador Jaime Campos será condenado no caso do Hospital Central?

Sim
Não
Não vai dar em nada
Vai prescrever
  Resultado
Facebook Twitter Google+ RSS
Logo_azado

Plantão News.com.br - 2009 Todos os Direitos Reservados

email:redacao@plantaonews.com.br / Fone: (65) 8431-3114